o dia de hoje

de manhã me perguntei: “para que servirá o dia de hoje?”
procurei razões, coisas pra fazer…
vasculhei armários e gavetas e me deparei com uma roupa que não usava há um ano… na última vez que te vi…

senti teu cheiro ainda ali depositado
senti o peso do encontro profundo que tivemos juntos
senti o prazer e a dor que foi tê-la ao meu lado….

e tudo voltou outra vez
só que agora de um jeito diferente

me assanhei
me assustei
quase me desesperei
e me alegrei, quando inalado o último aroma restante,
exalei você…

e vi você ir embora, sublimando.

agora já sei para que serviu o dia de hoje…



 


Buscar